PLANTÃO POLICIAL

54

POLÍCIA MILITAR PROCURA AUTORES DE ROUBO A MÃO ARMADA NA ZONA RURAL DE ARAXÁ

No dia 09 de janeiro de 2019, por volta das 21 horas, ocorreu roubo à mão armada a Fazenda Sucupira, situada na BR 146 km 110 na Zona Rural, onde segundo as vítimas foi praticado por dois autores, sendo um de cor branca, baixo, trajando calça jeans e camiseta amarela, cabelo grisalho e outro negro, trajando calça jeans e camiseta azul, ambos armados aparentemente com revólveres, que inicialmente chegaram na referida fazenda e pediram informação a vítima (proprietária da fazenda) se ele poderia arrumar um galão de gasolina, o qual foi feito, após isso, anunciaram o assalto, renderam as três vítimas, o proprietário e seus dois amigos, os amarraram em um dos quartos da casa e os agrediram com socos, chutes e coronhadas. A todo momento os autores queriam dinheiro, porém, como não havia, subtraíram uma televisão, dois alto falantes, duas cornetas, um Twitter, uma caixa de som de 12 polegadas, um celular Samsung j8, o veículo caminhoneta, Placa QPW 3123, cor branca e r$460,00 em dinheiro. Após o fato, por volta das 23 horas, colocaram as vítimas no referido veículo e deslocaram com elas sentido a Fazenda Ponte Alta, situada na BR 262, 30 km de Araxá/MG, onde os abandonaram em um canavial e evadiram sentido Uberaba. As vítimas foram deixadas amarradas e conseguiram se soltar por volta das 04 horas do dia 10 de janeiro de 2019, fizeram contato no 190 e informaram a situação. As vítimas relataram também que perceberam a presença de mais dois autores no canavial, todavia, sem maiores dados. Diante do fato foi repassado a situação as frações de Uberaba, Uberlândia e confeccionado boletim de ocorrência para providências subsequentes.

POLÍCIA MILITAR PRENDE TRAFICANTE EM ARAXÁ

No dia 09 de janeiro de 2019, após inúmeras denúncias relatando que na Rua Curitiba, Bairro Alvorada, estava ocorrendo intenso tráfico de drogas e que o morador da citada rua era um traficante conhecido no meio policial, a equipe Tático Móvel deslocou até o local momento em que perceberam que haviam duas pessoas na porta da residência alvo das denúncias. Foram abordados e verificado que eram M.O, 28 anos e a namorada dele. No momento da abordagem M.O jogou algo na boca e engoliu, provavelmente se tratando de crack uma vez que o odor característico da droga ficou impregnado nele. Após engolir a droga rapidamente, M.O gritou para sua mãe que estava dentro da casa: “mãe, é a polícia”. De imediato os militares adentraram no imóvel e visualizaram a mãe dele Sra. L.M.O que aparentava grande nervosismo. Após a chegada de um militar feminino foi encontrada com ela uma porção de maconha. No quarto L.M.O foi encontrada duas balanças, uma em pleno funcionamento. Ela alegou ser usuária da droga e não soube explicar a procedência das balanças. No quarto de M.O foi encontrado também uma bucha de maconha, plástico para embalar e dinheiro espalhado e escondido dentro de roupas e atrás de um embrulho de perfume. No total foi encontrado R$ 1.265,75 em cédulas de diversos valores caracterizando em tese o tráfico de drogas. Fo i encontrado ainda uma pedra maior pesando aproximadamente 20 gramas, as quais se divididas no tamanho usualmente comercializado renderiam 60 (sessenta) pedras

e mais 30 (trinta) pedras embaladas e prontas para o comércio. Alguns celulares também foram encontrados, inclusive o aparelho celular de M.O que continha diversas mensagens em aplicativos com usuários pedindo droga. Não foi possível precisar o envolvimento da mãe dele com o tráfico, sendo conduzida por uso e esclarecimentos futuros com o delegado. Foi encontrada na casa uma bicicleta que havia sido furtada na data de ontem e possivelmente trocada no local por drogas. O proprietário esteve na delegacia e reconheceu o produto de furto relatando voltar cedo para reavê-la. Os autores foram levados ao pronto atendimento e depois foram entregues na delegacia.

DENUNCIE!

Disque Denúncia 181 e Emergencial 190

A Polícia Militar conta com o apoio de toda a população na denúncia de crimes e repasse de informações que possam auxiliar a Polícia Militar na prevenção e combate a delitos.

O Disque Denúncia 181 é um serviço destinado ao recebimento de informações dos cidadãos sobre crimes de que tenham conhecimento e qualquer tipo de informações que possam auxiliar o trabalho policial.

Para denunciar, basta ligar, gratuitamente, para o número 181. O Disque Denúncia funciona com uma central de atendimento unificada, formada por profissionais treinados e capacitados que trabalham em regime de 24 horas para atender à população.

O Disque Denúncia recebe todo tipo de informe sobre crimes, tais como assalto, tráfico de drogas, arrombamento, porte ilegal de armas, sequestro, estupro, agressão e atividades ilícitas. O Disque Denúncia tem como principais benefícios esperados melhorar a comunicação entre Estado e sociedade, além de recolher e analisar informações que auxiliem na elucidação de ocorrências e na prevenção de delitos.

As denúncias e situações emergenciais podem também ser repassadas gratuitamente pelo número 190 (Polícia Militar